O primeiro dia

Sim, back to reality.

O primeiro dia de escola e eu, sozinha.

De manhã: apanhar o autocarro, sair na estrela, arrastá-los até à escola (sem carrinho, sem sling e com um malão cheio de tralhas para a entrevista)

Lá ficaram, ela feliz ele a chorar.

Voei, fotografei, conversámos. Ainda consegui almoçar com uma grande amiga.

Voltei à escola; Quando me sentei a vê-lo lanchar pôs-se a dizer o nome de todos os meninos que estavam na mesa dele. Eram uns 7. NO PRIMEIRO DIA: todos certinhos. O miúdo ouvia as educadoras chamarem os meninos, ele ouve e assimila. (ele só tem 18 meses, 18 meses, que gralha!!!!)

 

Caí na real, ao sair da escola feliz, a achar que ainda ia para o jardim (sem carrinho, sem sling e com um miúdo descalço). Calor de morte, cansaço... o miúdo não se calou dois segundos; ela é uma querida e levava-me o trolley com o material.

No way, apanhei taxi e cheguei a casa, feliz por ter escapado a uma tarde que se previa infernal. Aqui estou, a mil, sozinha em casa, enfiada no escritório e com os miúdos na sala muito silenciosos.....

Um preview do que espero editar e lançar hoje: deliciem-se!!


Barbara Bliebernicht e os filhos Assunção e Francisco!


4 comentários:

  1. Também gostei muito do almoço e do regresso à (nossa) rotina! ( vim comentar só para contrariar a conversa de hoje..)

    ResponderEliminar
  2. Obrigada Catarina pela manhã de hoje, Doçura, talento e Profisionalismo........ Divertimo-nos muito, bj Grande BB

    ResponderEliminar
  3. Com 18 mesinhos, é mesmo um feito. Parabéns!
    Sigo o seu blogue e adoro. Sempre que aqui venho, sei que vou encontrar coisas lindas. E as fotografias, bem... Perfeitas! É uma excelente profissional.

    ResponderEliminar
  4. Ficaremos à espera! Filhos fantásticos que só poderiam ser de uma mãe igualmente fantástica!

    ResponderEliminar