Working- Mode

Muitas entregas, muitos trabalhos, muitos projectos, filhos doentes, marido quase a ausentar-se por uns dias... Mas ainda há momentos de calma, para editar, trabalhar, responder a e mails, ter paciência. Ontem dei por mim a sair de casa para mais uma sessão para a B, a deixá-los para trás doentes com o M, mas contente, aquela sensação de alívio, de liberdade, de ser por umas horas apenas a Catarina. Não a mãe teté, apenas eu. A fazer um percurso simples de metro, com casaco quentinho e chapéu, mãos nos bolsos, passo rápido para chegar ao meu destino. Fui feliz, também, nessa simplicidade de rotina, sem pressas, com o tempo certo, sem miúdos atrelados, sem carrinhos, cantigas e zangas.
(não estou à espera de bebé nem vou estar, em princípio nos próximos tempos! foi um erro de comunicação)

Cada um ganhou a sua infecção respiratória, mas estão bem dispostos, aqui em casa. Arranjei um amigo para me fazer companhia e ajudar a avançar trabalho. Chama-se samsung e vai libertar-me muito do atelier, deixando-me estar na sala com os miúdos nestas alturas de crise. Vai comigo ao Norte nos próximos dias da semana que aí vem, e assim vou poder dar melhor vazão ao trabalho...

E hoje é um dia para escrever o quão orgulhosos estamos da L. A última vez que foi a uma urgência há uns meses, veio de pijama do hospital. Tanto chorou, que vomitou. Nunca foram fáceis estas idas ao médico. Ontem foi a menina mais valente e controlada que já vi. Deixou-se examinar, orgulhosa por saber que se estava a portar bem, fez um raio-x e levou um presente.

Enquanto ainda dormem e há um silêncio reconfortante nesta casa, oiço estes dois que nos deixam sempre com bom astral!

Passei uma manhã muito simpática com o T e os pais, num Jardim que já todos conhecemos tão bem, mas que é sempre tão giro de fotografar.












Tenho grandes e importantes notícias para vos dar sobre os projectos:) amanhã, quem sabe!

Sem comentários:

Enviar um comentário