New baby

O nosso Natal já acabou, e no meio da chuva, tempestade, um barrigão, dois filhos e um marido fora 24 e 25, foi.... desesperante! Muitas contracções, pouco descanso, e a perceber que a chegar às 35 semanas começa a haver muita roupa a deixar de servir e a pensar na parte que menos gosto disto da maternidade. O pós- parto. A pensar que a roupa que estou a vestir agora não tem aberturas à frente, nem botões...

A mala do Bebé Sebastião tem tudo o que ele precisa: fraldas de pano, os panos em flanela da Teresa Alecrim, infacol e aero-om [em caso de SOS], uma mantinha de lã da Bebexik, fininha e meio elástica para embrulhar o bebé [e com uma renda linda à volta], algumas mudas interiores, e 5/6 conjuntos de cueiro, saial, e fofos. Escolhi, para a primeira roupa, a opção 1, que já vos tinha mostrado. Adoro o saial, adoro o casaco que escolhi para conjunto com o saial, mas pela experiência que tive com o Xavier, que levaram 30 minutos para lhe vestir o saial, e mesmo assim veio mal posto, vou optar pelo cueiro, mais simples, para o ter mais depressa comigo, e mais perfeitinho.
1- Cueiro Gocco, com bordado inglês, camisola Maria Gorda e camisa Maria Gorda
2- Saial Bebexik, casaco Dom Roupinho e camisa Dom Roupinho

Na minha mala, nada está. Suponho que um casaco de malha / roupão fresquinho, como estes que já estão no meu armário, assim como duas ou três camisas de noite igualmente frescas e com botões à frente.
O creme da purelan (que já devia começar a pôr, segundo dizem) e, se nada funcionar, uns protectores de mamilo, que usei para a Leonor que foram a minha salvação. Máquina fotográfica (a pequenina EOS M), o caderno do bebé, para ir actualizando logo logo. Chinelos de quarto, cuecas descartaveis e um pequeno necessaire com hidratante e um pequeno kit se me apetecer por base e etc. 
E outras coisas importantes como o Boletim da Grávida, as análises e exames, o cartão do seguro...

Estou a entrar na fase dos falsos alarmes. Em que as contracções de barriga dura vêm com dor, e teimam em ficar. Como já passei por isso antes, espero sempre um bocado, vou descansar e se não passarem aí começo a prestar atenção.

[nervoso miudinho....]




2 comentários:

  1. Está quase...
    Ler este post fez-me reviver esse mesmo nervoso miudinho que senti nas duas gravidezes, se bem que na 2ª acho que foi pior!
    Beijinhos <3

    ResponderEliminar
  2. Que corra tudo muito bem, um Ano Novo cheio de alegria para os 5 * Beijinhos e uma hora pequenina

    ResponderEliminar