Waiting

Estamos em modo "espera", atentos a todos os sinais, dúvidas e falsos alarmes, com uma imensa expectativa e confiança de que vai correr tudo bem.
Apesar da ruptura de ligamentos que fiz no tornozelo (que má ideia!!) que me obriga a ficar todo o santo dia deitada sem forçar nada, estamos tranquilos. Bom, temos que estar. Este bebe sai quando quiser, e não vai haver caminhadas que ajudem. Estamos a mentalizar-nos também para uma possivel cesariana, uma vez que não posso ter um parto induzido e o tempo está a passar! 
Mas, não faz mal, não há problema, o importante é que nasça bem! Digo, todos os dias.

É uma fase estranha, em que poucas coisas podemos planear, mas como não há muitas assim, acho que temos de aproveitar e gozar este efeito surpresa!

As túnicas mal me servem, deixaram de tapar e fica sempre um fio de barriga de fora. Ainda assim, e ainda que me custe tanto mexer, adoro a barriga, os movimentos e esta última fase.

Como será o sebastião? Uma cara nova ou com traços dos irmãos? Sonho acordada com a nossa vida a 5, os passeios e os dias intermináveis que hão de começar em breve; mesmo os dias em que não vou sair, sonho com as fotografias e as histórias para registar, com os mimos e o cheiro a bebe que vai inundar esta casa.

De vez em quando, e para não me armar em super mulher, penso na realidade dos nossos novos dias. O dar de mamar, a altura em que vou ficar sozinha com os 3 e atravessar a cidade inteira para deixar os outros na escola, ou em que decido que ficam todos em casa e me arrependo mais tarde. Acima de tudo os primeiros tempos são de imensa prioridade a rotina do bebe. Se conseguirmos cumpri-la terei tempo e calma para a Leonor e Xavier, tudo será mais simples! 

Estamos muito, muito calmos, bebe sebastião, quando quiseres:)

9 comentários:

  1. Tão querida ! Fiquei com um sorriso nos lábios de orelha a orelha...estamos aqui a torcer, a ter boas vibrações e a querer muito conhecer o Sebastião e os manos e o Sebastião. Está quase minha querida e todos estes sonhos são reais :) beijinho grande (esta tia vai marcar uma viagem para fim de Fevereiro e quer muito ver-vos)

    ResponderEliminar
  2. Sebastião estamos também deste lado à tua espera!!! Passei por aqui hoje para saber se já tinhas nascido ou então rever o barrigão da mãe ;))
    Os primeiros dias são de absoluto dislumbre e encantamento. Depois, e fala uma mãe de quatro crias, complica-se um bocadinho. Porque as vidas continuam e porque temos de cumprir as rotinas dos mais velhos sem deixar de dar cobertura aos apurados caprichos do bebé ;)) Descanse.

    ResponderEliminar
  3. Vamos lá bébé Sebastião! :-)
    Vai ser LINDO Catarina!
    Um grande beijinho
    Joana

    ResponderEliminar
  4. Sebastião estamos também deste lado à tua espera!!! Passei por aqui hoje para saber se já tinhas nascido ou então rever o barrigão da mãe ;))
    Os primeiros dias são de absoluto dislumbre e encantamento. Depois, e fala uma mãe de quatro crias, complica-se um bocadinho. Porque as vidas continuam e porque temos de cumprir as rotinas dos mais velhos sem deixar de dar cobertura aos apurados caprichos do bebé ;)) Descanse.

    ResponderEliminar
  5. A Catarina é uma ternura ** Imensas felicidades!

    ResponderEliminar
  6. Apenas curiosidade...qual o motivo porque não podem induzir? (se já explicou, não reparei). E não se preocupe de não poder caminhar...eu sinceramente acho que isto é muito mais genética do que o nosso esforço. Há quem se mate a caminhar e colo verde às 42 semanas, há quem esteja de repouso e colo apagado às 32. Ao menos assim, a bem ou a mal, tem de ficar sossegada a descansar que bem faz.

    ResponderEliminar
  7. Apenas curiosidade...qual o motivo pelo qual não podem induzir? E não fique triste de não poder caminhar...isso é mais genética que esforço. Há quem não pare e tenha colo verde às 42 semanas, e quem esteja em repouso e às 32 esteja com 1 dedo permeável. Assim, a bem ou a mal, fica sossegadinha a descansar, algo que todas devíamos fazer nos últimos dias.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Sofia! Não podemos induzir porque o Xavier nasceu de cesariana há 3 anos. Temos que esperar pelo trabalho de parto espontâneo, a minha médica espera até as 41, o que acho bastante razoável!:) também concordo, andei imenso na gravidez da Leonor e não achei que fosse por aí:) eles saem mesmo quando tem que ser! A natureza e formidável! Um beijinho:)

      Eliminar
  8. Falta pouco e vai correr tudo bem :) Beijinho

    ResponderEliminar