Sebastião, hoje

Pela primeira vez tive uma noite "assim-assim". Chegamos de um jantar de família às 10 da noite, dei de mamar assim que chegamos, e deitei-me eram 11:30. Mas estava cansada, viagem para Santarém, ida e volta, ainda não tinha feito nenhuma sesta (normalmente durmo entre as dez da noite e a meia noite para estar "fresca" quando tenho que acordar para dar de mamar);
E ele costuma fazer 4 horas desde a última mamada, cumprindo, que nem um relógio estes horários:  23:30, 3:30, 6:30/7:00; Mas como eu estava tão cansada, dei a correr, só de um lado, ele adormeceu, eu também. Acorda à 1; dou de mamar novamente só de um lado, ele adormece, eu aproveito e deito-me também: começa o desassossego. Duas horas a pôr a chucha, aero-om para entreter, eu meio zombie, sem saber a quantas andava, chegamos às 5 da manhã nesta dança de pôe chucha, adormece, refila 5 minutos depois, pôe chucha outra vez.
No meio disto tudo esqueci-me de usar a app que me tanto tem ajudado, baralhei os lados, baralhei as horas, e as 7 da manhã dei de novo, as 9 também, e ele mal disposto, sempre a bolsar.

Decidi que não ia mamar mais e deitei-o na alcofa, enrolado na manta mais quentinha que tem, e desde as 10:30 que está ferrado. Agora, recomeçamos assim que quiser mamar. [aprender e não esquecer, organizar, fazer tudo direitinho, mesmo que custe, depois vale a pena]






1 comentário:

  1. Tanta paz nestas imagens... que é difícil imaginar esse desassossego! :)

    ResponderEliminar