Dia dos irmãos




São três, o Xavier parece pai de todos, a Leonor viciada nos iogurtes que rouba do frigorifico sem darmos por isso, e o Sebastião, o miúdo mais fácil de sempre ali, ao lado, vai adorá-los a vida toda. E eu quero ter a sorte de os ver crescer felizes, e "normais". Quero as zangas, quero que não possam uns com os outros, quero que se defendam, quero que sejam tribo.

1 comentário: