Conhecer a fundo - Dodot

Confesso que sou fã da dodot faz tempo. Quando estava grávida da Leonor, e pensava em fraldas, não confiava nem me passava pela cabeça outra compra que não Dodot. Repeti para todos os outros. Houve fases em que comprei outras marcas, mas por pouco tempo, e regressei sempre à Dodot. Umas vezes Dodot básico (porque era muito mais barato que as outras gamas), outras activity, nas noites mais dificéis do Xavier.

Quando recebi o convite da Dodot para ir visitar as fábricas em Jijona (Alicante), fiquei curiosa! Afinal o que estava por trás de um produto tão bom e que até hoje me tinha deixado sempre tão satisfeita?

Passámos uma manhã no laboratório a testar fraldas (embalagem azul). Desde a resistência dos elásticos, às micro pérolas que absorvem litros e litros de líquido, a todos os componentes da fralda (abrimos as fraldas de uma ponta à outra), que ajudam a distribuir os liquidos pela fralda toda. Testes de impacto, testes de secura (utiliza-se um bálsamo de Aloé Vera na camada que entra em contacto com a pele).

PASSOU! Em todos os testes, os resultados são muito muito acima das expectativas!

Fomos logo visitar todo o processo de fabrico, máquinas próprias em que o rigor e a experiência se juntam para produzir uma fralda sempre em condições! (Sabiam que todas as fraldas passam por um scanner antes de chegar à embalagem para ter a certeza que de facto estão a 100% e não houve nenhuma falha?)

São muitos os elogios que tenho para fazer a esta marca, mesmo na forma como trabalha, no produto completo que nos apresenta, por nos disponibilizar várias gamas (Básico, Dodot, Activity, Sensitive e Liberty), pelo envolvimento que já tem há anos com a UNICEF, e por continuar a garantir-nos que os nossos filhos acordam secos, e andam confortáveis todo o dia!

São elogios reais, de uma mãe despistada que já saiu de casa sem fraldas e regressou apenas 10h depois (e posso dizer que a fralda estava cheia, nada saiu por fora, e ele estava práticamente seco).


















Obrigada Dodot, pelo esforço e empenho!


[este é um post patriconado]



4 comentários:

  1. Olá Catarina!! O meu filho tem 4 anos e está com varicela, coitado está em constante sofrimento com a comichão. Não dormiu nada. Estou a pôr lhe Pruricede da Uriage e maizena na banho. Algum conselho para aliviar o mau estar? As melhoras do Sebastião. Beijinhos Assunção

    ResponderEliminar
  2. Aqui só dodot. Rabo muito sensível. Não houve outras com as quais se desse. Adoro. Graças a Deus há imensas promoções e acabo por não pagar tão caro assim. Agora diz me por favor, de onde é este pijaminha tão lindo. Beijinhos grandes

    ResponderEliminar