NEWSLETTER

© 2017 by Ties. Proudly created by JLDesign

  • Black Facebook Icon
  • Black Pinterest Icon
  • Black Instagram Icon

//

From Marrakesh

May 31, 2017

Decidimos com muito pouca antecedência que seria a viagem deste ano, que seria a Marrocos, que seria JÁ!

 

Foi a primeira vez que pisei este continente Africano. Marrakesh é um óptimo destino, perto (1h de avião), e lindo!

 

Ficamos com muita vontade de voltar, com mais tempo e uma viagem melhor planeada.

 

Estivemos precisamente 4 dias e sentimos que não foi suficiente, e que de carro teríamos aproveitado melhor outras cidades de Marrocos que tanto gostavamos de visitar como Chefchouen e o Atlas.

 

E de carro teríamos feito mais compras - isso, ou numa viagem só de miúdas, em que os homens não nos chateiam tanto com o "mais um tapete? precisas mesmo desse cesto? essas sapatas (babuchas) não vão durar dois minutos nos teus pés!"-

 

Chegamos domingo à tarde ao aeroporto de Marrakesh, onde ainda nos esperava uma hora e tal de fila para controlo de passaporte. Fomos enganados pelo taxista que nos pediu 250 dh [25€] alegando ser a taxa "normal" - dica: peçam ao riad ou hotel onde ficarem que vos venham buscar-

 

Apesar de Marrakesh ser uma cidade grande, o aeroporto é apenas a 10 minutos da Medina, e chega-se rapidamente a todo o lado. O nosso Riad era o Utopia Suites & Spa, onde nos receberam muito bem, preparem.-se para hora e meia de conversa com o Consierge, onde, acompanhados do famoso e típico Chá de Menta, nos explicou tudo sobre a cidade, apontou no Mapa os melhores sitios para jantar, jardins para visitar, os Souks e Museus. Não falhou, cumprimos e foi óptimo!

 

Há dezenas de miúdos e graúdos a prestar ajuda a qualquer turista que olhe, pare, ou mesmo que nada faça. Digam sempre que não, sejam simpáticos, mas não tanto a ponto de eles não vos largarem.

 

Fomos "apanhados" por um que nos iria ajudar no caminho de volta, mas achou que seria mais simpático contar-nos que os Berber só vinham uma vez por semana fazer o tratamento das peles (cof cof!!) e que tínhamos mesmo que assistir, era uma oportunidade ÚNICA!

 

Que remédio tivemos nós, já íamos a meio caminho quando percebemos, e que seguiriamos para outro Marroquino, que nos fez a visita (com máscaras de menta fresca porque o cheiro era insuportável, indescritível!) no final, claro, visita a loja, compra, não compra, paga na mesma o trabalho dos senhores, do guia, e do rapaz que lá te levou!

 

(não vale a pena ver o processo, é nojento, e pesquisando no google ficamos com a mesma informação) talvez tenha sido a única altura em que senti um pouco de medo, pela pressão, pelo desconhecido, e porque efectivamente fomos aldrabados e não tínhamos mais dinheiro connosco!

 

 

Passado tudo isto voltamos ao riad e parece que toda a maluqueira das ruas, das motas e bicicletas, dos Souks e dos rapazes fica para trás. Passa boa música e temos um tanque à nossa espera para mergulhar e passar a segunda parte do dia.

 

Descansamos um bocado e traçamos o plano. Chegar ao famoso Jardin, um restaurante lindo, onde valeu imenso a pena ir jantar!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A loucura dentro da Medina, trânsito incrível de motas e bicicletas!

 

fato de banho da Ros Beachwear e Freshly Cosmetics para o cabelo, sempre, para terminar o meu Detox!

 

 

Segundo dia em Marrakesh, muitos passeios, sempre a andar. Tomavamos o pequeno almoço com tudo o que tínhamos direito e só voltamos a jantar. Importante não comer fora de sítios seguros, evitar as barraquinhas de rua, para garantir que não apanhamos nenhuma gastro!! (e evitar gelo, beber sempre água engarrafada!)Segundo dia em Marrakesh, muitos passeios, sempre a andar. Tomavamos o pequeno almoço com tudo o que tínhamos direito e só voltamos a jantar. Importante não comer fora de sítios seguros, evitar as barraquinhas de rua, para garantir que não apanhamos nenhuma gastro!! (e evitar gelo, beber sempre água engarrafada!)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

As famosas fotografias que ainda me dão vómitos! O tratamento das peles.. evitem ao máximo!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

NEWSLETTER

​ÚLTIMOS POST

November 12, 2019

Please reload

SOBRE NÓS

Olá, sou a Catarina! Tenho 31 anos, cresci e vivo em Lisboa, esta cidade linda que nos faz imensamente felizes.

4 filhos bons, muito bons. A primeira aos 23, e a última nascida aos 29.

LER MAIS >

  • Black Facebook Icon
  • Black Pinterest Icon
  • Black Instagram Icon

ARQUIVO

INSTAGRAM

Please reload

WORK

TRAVEL

FAMILY

LISBON GUIDE

MOTHERHOOD

KIDS

BRANDS

  • Black Facebook Icon
  • Black Pinterest Icon
  • Black Instagram Icon